A FARSA DA VIDA

"FARSA, A VIDA É UMA GRANDE FARSA, MAS QUEM DISSE QUE NÃO É, COMO NEGAR!, SIMPLES SENDO MAIS UM FARSANTE."

segunda-feira, 23 de novembro de 2015

AS CRENÇAS RELIGIOSAS, CONTRÁRIA NÃO SÓ A RAZÃO MAS A RACIONALIDADE DOS SERES PENSANTES

- SE O FANATISMO, QUALQUER QUE SEJA ELE, JÁ REPRESENTA UMA DESGRAÇA PARA O SER HUMANO, AINDA MAIS PARA UM SER QUE PRESSUPOSTAMENTE SE DEFINIU COMO UM SER RACIONAL E PENSANTE, PROVIDO DE UMA CAPACIDADE QUESTIONADORA. O FANATISMO RELIGIOSO FUNDAMENTALISTA, “JOGA POR TERRA” TUDO QUE SE DISSERA ATÉ AGORA SOBRE A ESPÉCIE HUMANA, ENQUANTO SERES RACIONAIS VERDADEIRAMENTE PENSANTE. DO CONTRÁRIO O QUE SE PODE ENTENDER É QUE NÃO SE PODE GENERALIZAR AO DIZER QUE TODOS OS HUMANOS SÃO SERES RACIONAIS E PENSANTES, PROVIDOS DA RAZÃO E DA CAPACIDADE QUESTIONADORA QUE SE ESPERA DE TODO SER RACIONAL PENSANTE. LOGO SE CONCLUI QUE. EXISTEM “SERES HUMANOS” E “SERES HUMANOS RACIONALMENTE PENSANTE”, E QUE NÃO SE PODE COLOCAR TODOS NO MESMO PATAMAR. INFELIZMENTE SE TEM QUE DESCRIMINAR, E ADMITIR QUE UM TIPO DE SER HUMANO INDISCUTIVELMENTE É MUITO MAIS EVOLUÍDO DO QUE O OUTRO. E SE PODE HAVER UMA MANEIRA DE DIZER, SEM HIPOCRISIA NEM DEMAGOGIA RETÓRICA BARATA NENHUMA, QUE UM SER HUMANO É SUPERIOR AO UM OUTRO, NÃO É  PELA SUA APARÊNCIA FÍSICA E MUITO MENOS PELO QUE TEM MATERIALMENTE, MAIS SIM PELA SUA EVOLUÇÃO RACIONAL OU NO MINIMO PELA SUA CAPACIDADE RACIONAL, ENQUANTO SER HUMANO. E DESTA FORMA COMO DIZ O DITADO, SEPARANDO O “JOIO DO TRIGO”. O QUE VEM SE CONSTATANDO ULTIMAMENTE NO MUNDO, É ALGO QUE CORROBORA COM ESSA CONCLUSÃO, OU SEJA, OS FATOS RATIFICANDO AS TESES E CONCLUSÕES. A INSANIDADE, A BESTIALIDADE, O PRIMITIVISMO RACIONAL, ENFIM, TUDO AQUILO QUE, COM BASE NO QUE SE DIZ DA RACIONALIDADE DO SER HUMANO, SE IMAGINARIA, COMO DECORRÊNCIA NATURAL DE UMA EVOLUÇÃO, NÃO MAIS BIOLÓGICA NEM MORFOLOGIA MAS PSICOLÓGICA E PRINCIPALMENTE RACIONAL, DE UMA ESPÉCIE QUE COMEÇOU SEM, MAS ADQUIRIU, POSSIVELMENTE POR UMA CONSEQUÊNCIA NATURAL, FRUTO DE FATORES INTRÍNSECOS AS SUAS NECESSIDADES ETC, E EVOLUIU AO LONGO DE MILHARES DE ANOS, LAPIDADO TALVEZ ATÉ PELO INSTINTO DE SOBREVIVÊNCIA E PERPETUAÇÃO NATURAL DE SUA ESPÉCIE. QUE FOI A CAPACIDADE RACIONAL NO SER HUMANO, NÃO POR ACASO GRANDE PARTE DESSA CAPACIDADE SE SITUA NO LÓBULO FRONTAL DO CÉREBRO, QUE SÓ SE DESENVOLVERA BEM DEPOIS DO SURGIMENTO DA ESPÉCIE. NO ENTANTO ESSE PROCESSO EVOLUTIVO ENCONTROU UM OBSTÁCULO NA FACILIDADE QUE ESSE MESMO SER HUMANO E SUAS MEDIOCRIDADES INERENTES A SUA NATUREZA, CRIARA OU DESENVOLVERA, QUE FOI A NECESSIDADE DE SE ALIENAR-SE PARA FUGIR OU TENTAR SOBREVIVER AOS SEUS QUESTIONAMENTOS A SUA EXISTENCIALIDADE, AINDA MAIS COMO É, TÃO EFÊMERA QUANTO PROBLEMÁTICA, E NESSE CONTEXTO “SE ALIMENTAR DE LISÉRGICOS” NATURAIS OU QUÍMICOS, MAIS ANTES DISSO TUDO MÍSTICOS, ONDE ENTRA A QUESTÃO DAS CRENÇAS, NO CASO AS RELIGIOSAS, CRIANDO ASSIM CONCEITOS ESTRITAMENTE SUBJETIVOS, COMO A EXISTÊNCIA DE UM SER SUPOSTAMENTE SUPERIOR, ALEM DE SUA EXISTÊNCIA E CAPACIDADE, TALVEZ OU CERTAMENTE ATÉ PARA LHES DÁ MAIS PODERES DIANTE DE OUTROS HUMANOS, COMO ACONTECEU EM INUMERAS CIVILIZAÇÕES AO LONGA DA HISTÓRIA DA HUMANIDADE. MAIS TUDO ISSO, IMAGINARIA-SE QUE JÁ ESTIVESSE GRADATIVAMENTE SENDO SUPERADO COM A EVOLUÇÃO DE QUE SE ESPERAVA DE UM SER QUE FOI DEFINIDO COMO “RACIONAL PENSANTE” O TEMPO PASSOU E O QUE SE ACHAVA QUE TINHA TIDO SEU APICE NA “IDADE DAS TREVAS” A IDADE MÉDIA, RECRUDECE NAS ÚLTIMAS DÉCADAS, COMO UM CÂNCER REINCIDIVO, E AGORA TÃO OU MAIS AGRESSÍVO QUANTO NO SEU APOGEU NA “IDADE DAS TREVAS” AS CRENÇAS RELIGIOSAS E SEU FANATISMO FUNDAMENTALISTA, TALVEZ ESTEJA NOS MOSTRANDO QUE AQUILO QUE IMAGINAVAMOS INGENUAMENTE DE QUE NÃO SÓ O SER HUMANO É UM SER RACIONAL, PROVIDO DE RAZÃO, COMO TAMBÉM, DE QUE TODOS SÃO IGUAIS, NA VRDADE ESTAVAMOS TOTALMENTE EQUIVOCADOS E POR ISSO DEVEMOS REVER NOSSOS CONCEITOS, DEIXANDO DE LADO INCLUSIVE NOSSA HIPOCRISIA E DEMAGOGIA RETÓRICA BARATA DE LADO, ATÉ POR UMA QUESTÃO DE UMA SOBREVIÊNCIA MINIMAMENTE PACÍFICA. O ISLÂMISMO E SUA RETÓRICA VAZIA DE PACIFISMO, QUE DE PACÍFICO NÃO TEM NADA, TÁ LEVANDO O MUNDO, EMERGIDO OU QUE ACHAVA TER EMERGIDO DAS TREVAS DA CRENÇA RELIGIOSA DA IDADE MÉDIA, A DECIDIR SE “FICA EM CIMA DO MURO”, FINGINDO NÃO VER O PERIGO QUE SE ESTÁ APROXIMANDO COM O AVANÇO DESGRAÇADAMENTE INCONTROLÁVEL DESSE CÂNCER QUE É O FUNDAMENTALISMO RELIGIOSO, E PAGAR UM ALTO PREÇO DAQUI A POUCO, OU INFELIZMENTE QUEIRA OU NÃO AGIR RÁPIDO E TOMAR UMA DECISÃO RADICAL, ISOLAR ESTES SEGUIDORES DE CRENÇAS RELIGIOSAS “PRIMITIVAS RACIONALMENTE” COMO É O CASO DO ISLÂMISMO, SE ELES COM SUA “ESQUIZOFRENIA NEURASTENICA” QUISEREM SE MATAR, QUE SE MATEM SOZINHO EM NOME DO TAL ALÁ DELES, MAIS LONGE DO MUNDO MINIMAMENTE EVOLUÍDO E CIVILIZADO. O QUE NÃO DÁ MAIS É FINGIR QUE, O QUE ESTAMOS PRESENCIANDO NÃO É UMA “GUERRA SANTA” DO ISLÂMISMO E SEUS SEGUIDORES, CONTRA O MUNDO QUE NÃO COMPARTILHA NEM TEM A OBRIGAÇÃO DE COMPARTILHAR DE SEUS CONCEITOS E DOGMAS RELIGIOSOS. SE NAS NAÇÕES LIVRES EVOLUÍDAS, UMA CONQUISTA DA RACIONALIDADE PENSANTE, OS DIREITOS UNIVERSAIS, OUTRA CONQUISTA SE NÃO A MAIOR DE TODAS AS CONQUISTAS DESTA MESMA RACIONALIDADE PENSANTE, PERMITE QUE TODO SER HUMANO PRESSUPOSTAMENTE, “RACIONALMENTE PENSANTE”, VIVA LIVREMENTE EXERCENDO ESTES DIREITOS, INCLUSIVE PERMITINDO QUE ESTES SERES QUE SEGUEM CONCEITOS RELIGIOSOS PRIMITIVOS, RETRÓGRADOS E REACIONÁRIOS, COMO OS PREGADOS POR RELIGIÕES DO TIPO DO ISLAMISMO, SE EXPRESSE, FATO QUE NÃO ACONTECE EM SEUS PAÍSES DE ORIGEM, INVARIAVELMENTE AUTORITÁRIOS E ARBITRÁRIOS VERDADEIRAS DITADURAS TEOCRATAS, POR PRINCIPALMENTE SEREM DECLARADOS OU DISFARÇADOS, TEOCRACIAS MONOTEÍSTAS ISLÂMICAS. OS RELIGIOSOS INVARIAVELMENTE POSAM DE VÍTIMAS DE INTOLERÂNCIA RELIGIOSA, MAS A VERDADEIRA INTOLERÂNCIA RADICAL E FUNDAMENTALISTA, PARTEM DELES OS RELIGIOSOS QUE NUNCA ACEITAM NEM ADMITEM MUITO MENOS RESPEITAM A NÃO CRENÇA DOS ATEUS POR EXEMPLO, UM DIREITO INQUESTIONÁVEL E INCONTESTÁVEL, TALVEZ ATÉ MAIS ANTIGO DO QUE O DELES TEÍSTAS.

Nenhum comentário:

Postar um comentário